PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Rodrigo Mattos

Fifa já analisa vídeo de entrada de Zuñiga sobre Neymar para punição

rodrigomattos

04/07/2014 22h43

A Fifa informou que avalia a dura entrada de Zuñiga sobre Neymar, que o tirou da Copa-2014, para saber se determina medidas disciplinares sobre o jogador colombiano. As faltas violentas ocorridas no jogo entre Brasil e Colômbia – o total foi de 54 – também serão analisadas pela entidade.

"Esta manhã (sábado) já estão sendo analisados os vídeos do lance", afirmou a porta-voz da Fifa, Delia Fischer. "Nós estamos esperando o relatório do jogo e nós vamos juntá-los assim como analisar todos os elementos necessários para avaliar esse assunto."

Pelas regras da entidade, é possível estabelecer punições para atletas que não receberam cartões amarelos ou vermelhos no jogo. Caso se constate a necessidade, será aberto um processo disciplinar que pode gerar uma suspensão para um jogador faltoso. Foi o que aconteceu com o uruguaio Luis Suárez.

Além do relatório do árbitro, o comitê disciplinar da Fifa usa vídeos e até testemunhas para determinar a gravidade de uma falta e sua possível punição. É procedimento padrão analisar lances violentos desta forma.

Zuñiga entrou com o joelho direito nas costas de Neymar, o que gerou a quebra de uma vértebra do atacante. Antes, ele dera dura entrada com a sola da chuteira em Hulk, no primeiro tempo. Não foi sequer marcada falta, e ele não recebeu sequer cartão amarelo do árbitro Carlos Carballo, da Espanha. Jogadores brasileiros que fizeram duras faltas em James Rodriguez, como Fernandinho, também não foram punidos como amarelo.

Pelo código disciplinar da entidade, agressões como socos, cotoveladas, e similares podem ser punidos com pelo menos dois jogos de suspensão.

 

Sobre o Autor

Nascido no Rio de Janeiro, em 1977, Rodrigo Mattos estudou jornalismo na UFRJ e Iniciou a carreira na sucursal carioca de “O Estado de S. Paulo” em 1999, já como repórter de Esporte. De lá, foi em 2001 para o diário Lance!, onde atuou como repórter e editor da coluna De Prima. Mudou-se para São Paulo para trabalhar na Folha de S. Paulo, de 2005 a 2012, ano em que se transferiu para o UOL. Juntamente com equipe da Folha, ganhou o Grande Prêmio Esso de Jornalismo 2012 e o Prêmio Embratel de Reportagem Esportiva 2012. Cobriu quatro Copas do Mundo e duas Olimpíadas.

Sobre o Blog

O objetivo desse blog é buscar informações exclusivas sobre clubes de futebol, Copa do Mundo e Olimpíada. Assim, pretende-se traçar um painel para além da história oficial de como é dirigido o esporte no Brasil e no mundo. Também se procurará trazer a esse espaço um olhar peculiar sobre personagens esportivas nacionais.

Rodrigo Mattos