Blog do Rodrigo Mattos

Big brother de Tite: seleção monitora 50 nomes com ficha completa

rodrigomattos

A comissão técnica da seleção montou uma teia extensa de observação dos candidatos a jogar na seleção: são vistos ao vivo, há conversas com técnicos, ficha médica. O grupo de atletas monitorados no momento é em torno de 50 nomes que podem estar na lista para o jogo com o Equador, pelas eliminatórias da Copa-2018.

''Para esse jogo, temos um grupo de 50 jgogadores. É um grupo variável. Pode entrar um ou outro a cada jogo'', contou o técnico da seleção, Tite. ''Vemos a parte física, a parte tática como está jogando nos times. Conversamos com os atletas.''

Um exemplo é que, na pré-temporada dos times europeus, o auxiliar Cleber Xavier e preparador físico Fabio Mahseredjian estiveram nos EUA para acompanhar os principais jogadores. Xavier, por exemplo, foi conversar com Guardiola sobre Gabriel Jesus.

O preparador costuma discutir com seus pares sobre a condição física dos atletas. Durante o programa ''Noite de Craques'', com Zico, no Esporte Interativo, o técnico Tite revelou que Diego, do Flamengo, ainda não está 100% após se recuperar de contusão no joelho direito. ''Está retomando após a lesão'', afirmou o treinador, após ter conversado com a comissão técnica da seleção.

O grupo tem um total de 10 pessoas, complementado por Fernando Lazaro, Tomás Araújo, Maurício Dulac, Taffarel, Silvio, Matheus Bachi e Edu Gaspar. Cada um vai para um lugar para observar de jogos a treinos dos jogadores que interessam, seja no Brasil, seja na Europa.

Outro trunfo é contar com um sistema em que Tite pode requisitar qualquer vídeo dos jogadores em momentos específicos dos jogos. Assim, pode analisar como cada atleta pode executar determinada função. Dentro desse cardápido, é que Tite define seu grupo final para eliminatórias e futuramente para a Copa da Rússia.