Blog do Rodrigo Mattos

Libertadores-2019 terá transmissão de todos os jogos e novos horários fixos

rodrigomattos

A Libertadores-2019 terá a transmissão de todos os jogos, horários de jogos fixos e transmissão própria feita pela Conmebol. Essas são algumas das condições postas na licitação dos direitos de televisão da competição apuradas pelo blog, além da tabela nas mãos da confederação. E, como previsto, a confederação incluiu jogos marcados às 21h30, embora as emissoras possam fazer propostas para alterar o horário.

A Conmebol lançou nesta terça-feira a licitação dos direitos da Libertadores para as TVs dos dez países da América do Sul: é a primeira da história. Há uma concorrência específica para o Brasil e outra para o restante dos países. O objetivo é conseguir TVs Abertas e Fechadas na maioria dos países possíveis.

A concorrência é organizada pela Conmebol e as agências Perform/IMG, que compraram os direitos da competição ao garantir um mínimo. O Conselho da Conmebol não irá interferir na escolha das propostas das televisões que serão analisadas pelas agências e pelo marketing da entidade. O que vale é a maior proposta econômica, como primeiro critério, e depois questões técnicas.

Aí vão as principais condições da concorrência:

Transmissão de todos os jogos

As redes de televisão que comprarem qualquer um dos pacotes oferecidos pela Conmebol terão de transmitir todos os jogos a que tem direito em alguma plataforma. Se for uma TV Aberta, e não quiser botar no ar na sua grade, terá de disponibilizar em um site aberto. Caso seja um canal fechado, terá de transmitir por canal para assinantes na internet.

Quatro pacotes para o Brasil

Serão quatro pacotes para o Brasil. Um de TV Aberta, e dois de TV Fechada. No caso desses dois pacotes, uma TV tem a primeira escolha para o jogo, e a outra tem a segunda opção, e assim na sequência. Por fim, há um pacotes que inclui todos os jogos de quinta-feira. Só a TV Aberta e a TV Fechada que comprar o melhor pacote terão acesso à final única. Os outros pacotes só dão direito a jogos até semifinais.

Proibição de proposta conjunta

Na concorrência no Brasil, há uma proibição de uma proposta conjunta entre mais de uma emissora. Ou seja, a Globo não pode se associar com a Band pelos direitos de TV Aberta, nem a Sportv com a Fox. É vetado também o repasse de parte dos direitos para outra emissora como ocorre atualmente. A Fox, portanto, não poderia ceder parte dos jogos para a outra emissora como faz atualmente.

Horários fixos

A Conmebol estabeleceu dois horários fixos para seus jogos às terças-feiras e quartas-feiras em vez da grande variação atual. Como era desejo da entidade, um dos horários será às 21h30, do Brasil. Isso antecipa o horário padrão usado pela Globo de 21h45. O segundo horário será às 19h15.

As emissoras, no entanto, têm flexibilidade para fazer uma proposta com um horário diferente dos propostos pela Conmebol. A partir daí, a confederação analisará o que foi proposto levando em conta o valor econômico. Ou seja, a Globo pode manter seu horário se oferecer mais ou não tiver concorrentes.

No caso da quinta-feira, serão três horários diferentes, sendo o último às 11 horas. Não haverá mais jogos à meia-noite.

Tabela fixa 

A Conmebol tem o poder sobre a tabela de competições e não às TVs como atualmente. Assim, é a confederação que define que time joga em que dia, e portanto o que estará disponível para as emissoras transmitirem daquela rodada. A tendência é haver um maior rodízio entre clubes na TV Aberta.

Transmissão da Conmebol 

Ao contrário do que ocorre atualmente, a Conmebol passará a contratar a produtora que fará todas as filmagens dos jogos da Libertadores-2019. Essas imagens serão repassadas às emissoras que comprarem os direitos. Ou seja, a Fox, por exemplo, não terá mais como ter poder sobre as imagens, recebendo o material já pronto da confederação. Esse era um plano da entidade na modernização da competiçãoseguindo tendência do que ocorre na Liga dos Campeões.