Topo
Blog do Rodrigo Mattos

Blog do Rodrigo Mattos

Categorias

Histórico

Conmebol indica 4 campeões da Libertadores em Mundial de clubes

rodrigomattos

2010-04-20T19:09:00

10/04/2019 09h00

Imagem: NORBERTO DUARTE/AFP

Com Pedro Lopes

Das seis vagas que tem para o novo Mundial de Clubes, a Conmebol deve garantir os quatro campeões da Libertadores nos postos. As outras vagas devem ser disputadas por campeões da Copa Sul-Americana. Essa foi a indicação do presidente da Conmebol, Alejandro Dominguez.

Em congresso em Miami, o Conselho da Fifa definiu que serão 24 times. A Conmebol ficou com seis vagas, enquanto a UEFA ficou com oito postos.

"Temos que resolver isso. Creio que vai ser benéfico para todos. Os campeões da Libertadores têm que estar ali. Vamos garantir que os campeões sul-americanos também estejam", disse o presidente da confederação sul-americana. Ele defendeu ainda que a premiação seja por resultado, tipo o campeão ganha mais.

Leia também

Infantino fala em fortalecer clubes sul-americanos para encarar europeus
Infantino se diz convencido de que europeus jogarão novo Mundial de clubes

No âmbito da Libertadores, Dominguez disse que a entrada do Facebook aumentou as receitas de televisão, mas trouxe questões a serem resolvidas na qualidade das transmissões. Por isso, houve um acordo de divisão de partidas com a Fox Sports para países da América do Sul. Isso deve se estender para o Brasil.

"O que queremos é gerar mais recursos para os clubes. Abrimos para novos players entrarem no processo da Conmebol. Mas com Facebook atingimos um universo maior de público. Lamentavelmente, as equipes de serviços de internet têm limitações o que deixa as pessoas se veem frustradas. Estamos buscando soluções. Estamos procurando uma solução parecida para o Brasil", disse ele.

Por fim, Dominguez reconheceu que nem sempre as punições dadas pelo tribunal de disciplina da CONMEBOL são duras como espera a cúpula da entidade. Ele tratava especificamente de casos de violência de torcidas.

"Sem fazer um juízo de valor, muitas vezes sinto que os castigos tinham que ser mais fortes. Mas nos limitamos a aceitar o que diz o tribunal. Às vezes respeito, mas não estou de acordo."

 

 

 

 

Sobre o Autor

Nascido no Rio de Janeiro, em 1977, Rodrigo Mattos estudou jornalismo na UFRJ e Iniciou a carreira na sucursal carioca de “O Estado de S. Paulo” em 1999, já como repórter de Esporte. De lá, foi em 2001 para o diário Lance!, onde atuou como repórter e editor da coluna De Prima. Mudou-se para São Paulo para trabalhar na Folha de S. Paulo, de 2005 a 2012, ano em que se transferiu para o UOL. Juntamente com equipe da Folha, ganhou o Grande Prêmio Esso de Jornalismo 2012 e o Prêmio Embratel de Reportagem Esportiva 2012. Cobriu quatro Copas do Mundo e duas Olimpíadas.

Sobre o Blog

O objetivo desse blog é buscar informações exclusivas sobre clubes de futebol, Copa do Mundo e Olimpíada. Assim, pretende-se traçar um painel para além da história oficial de como é dirigido o esporte no Brasil e no mundo. Também se procurará trazer a esse espaço um olhar peculiar sobre personagens esportivas nacionais.

Mais Blog do Rodrigo Mattos