Topo
Blog do Rodrigo Mattos

Blog do Rodrigo Mattos

Categorias

Histórico

Neymar aposta em 'xadrez de jogadores' e conversa pacífica para sair do PSG

rodrigomattos

17/07/2019 04h00

Foto: Divulgação/PSG

A volta de Neymar ao Paris Saint-Germain com conversa em tom pacífico é a primeira estratégia para tentar construir a transferência para o Barcelona. Com isso, espera costurar uma operação com a troca por outros jogadores do time espanhol, única saída vista como viável por seu staff por conta do valor do brasileiro no mercado.

Anteriormente, ainda no Brasil, Neymar manteve troca de farpas com o diretor do PSG, Leonardo. O cartola brasileiro afirmou que ele tinha que se apresentar no dia 8 em Paris, e o jogador dizia que estava liberado para compromissos de seu instituto em território brasileiro e por isso apareceu só no dia 16. Neymar sinaliza querer sair, Leonardo aceitava só se chegassem ao preço do time francês.

Leia também:

O teor da conversa continuou o mesmo, mas o tom mudou. A ideia do atacante da seleção é não entrar em conflito com Leonardo, e sim, negociar. Há a certeza de que o diretor foi contratado para impor uma linha dura e portanto não adianta bater de frente. E Neymar pai e filho, que costumam impor seus desejos, aceitaram momentaneamente abaixar o tom.

Até porque a costura do retorno ao Barça é bastante complexa. Não há multa nem muita brecha para uma saída forçada como ocorreu na ida para Paris. O valor pago por Neymar de 222 milhões (quase R$ 1 bilhão) inviabiliza que o PSG aceite uma proposta baixa. E o time catalão já pagou 120 milhões de euros em Griezmann.

Assim, a construção do negócio passa por um xadrez de jogadores do Barcelona que podem se mover para o time francês. Dificilmente sairá negócio com simples pagamento de compensação. O problema é que Philippe Coutinho, por exemplo, que é um dos cotados para a troca, não parece muito disposto de sair da Espanha. A mídia espanhola já especulou quase o time inteiro do Barcelona com exceção de Messi e Suárez justamente por nenhum dos atletas ser uma opção fácil.

Diante desse cenário complexo, a aposta é que a negociação possa se prolongar até o final da janela de transferências que ocorre apenas no dia 31 de agosto. Ou seja, há um mês e meio para as duas partes chegarem as bases de negociação até porque o Barcelona ainda não fez uma proposta.

A questão é que, se fechar o negócio é difícil, a permanência de Neymar no time francês também não é um céu de brigadeiro. Neymar teria de continuar a lidar com Leonardo com quem trocou farpas, estaria contrariado pelo desejo não ter sido atendido e enfrentaria uma torcida após deixar claro que não queria ficar.

Sobre o Autor

Nascido no Rio de Janeiro, em 1977, Rodrigo Mattos estudou jornalismo na UFRJ e Iniciou a carreira na sucursal carioca de “O Estado de S. Paulo” em 1999, já como repórter de Esporte. De lá, foi em 2001 para o diário Lance!, onde atuou como repórter e editor da coluna De Prima. Mudou-se para São Paulo para trabalhar na Folha de S. Paulo, de 2005 a 2012, ano em que se transferiu para o UOL. Juntamente com equipe da Folha, ganhou o Grande Prêmio Esso de Jornalismo 2012 e o Prêmio Embratel de Reportagem Esportiva 2012. Cobriu quatro Copas do Mundo e duas Olimpíadas.

Sobre o Blog

O objetivo desse blog é buscar informações exclusivas sobre clubes de futebol, Copa do Mundo e Olimpíada. Assim, pretende-se traçar um painel para além da história oficial de como é dirigido o esporte no Brasil e no mundo. Também se procurará trazer a esse espaço um olhar peculiar sobre personagens esportivas nacionais.

Mais Blog do Rodrigo Mattos