Topo
Blog do Rodrigo Mattos

Blog do Rodrigo Mattos

Categorias

Histórico

Com acordo tardio, Palmeiras tem menos jogos na Globo e perde dinheiro

rodrigomattos

08/08/2019 10h00

A negociação prolongada do contrato entre Globo e o Palmeiras deixou o time com menos jogos transmitidos na TV aberta no primeiro turno do Campeonato Brasileiro. Com isso, o clube ganhará menos por exibição de jogos, que contam para o valor final do contrato no ano. A emissora e o clube atribuem o fato à demora no acordo, tendo se normalizado as aparições após a assinatura.

As conversas entre Palmeiras e Globo se estenderam durante o Brasileirão porque havia divergências entre as duas partes. O clube não aceitava o efeito redutor que a emissora queria impor a times que fecharam com a Turner na TV fechada. Além disso, o Alviverde exigia uma garantia mínima do pay-per-view.

Conseguiu ambas as demandas em parte, embora tenha um valor garantido menor do que o Flamengo e Corinthians. Além disso, não houve descontos no contratos pelas rodadas perdidas.

Leia também

O acordo foi fechado após a quinta rodada do Brasileiro. Um levantamento na tabela do torneio até a vigésima rodada mostra que quase todos os clubes têm maior número de jogos na TV aberta do que o alviverde que foi líder na maior parte do período. O Palmeiras terá cinco partidas na Globo, incluindo uma já realizada com o Athletico-PR não descrita na tabela da Globo.

Enquanto isso, Corinthians e Santos terão sete jogos na TV Aberta, o Flamengo, Vasco, Cruzeiro e Atlético-MG, seis. O São Paulo, por sua vez, também teve cinco, mas ocupava posição intermediária na tabela. O Athletico Paranaense, que fechou com a emissora pouco antes do campeonato, é o time com maior número de exibições com 11 partidas. Isso explica-se porque a Globo não tem acordo com  clube paranaense no ppv.

Para analisar o efeito disto no contrato, é preciso fazer uma conta sobre o valor pago por partida exibida na Globo. O contrato total de TV aberta é de R$ 600 milhões, sendo que 30% (R$ 180 milhões) são distribuídos de acordo com a quantidade de aparições na telinha. Há uma previsão de em torno de 90 jogos com transmissão, e cada clube receberia aproximadamente R$ 1 milhão a cada vez que aparecesse na TV Globo no Brasileiro.

Em comparação com 2019, o Palmeiras teve oito jogos transmitidos na TV aberta no Brasileirão de 2018 até a vigésima rodada, três jogos a mais do que neste ano. Ou seja, o clube deixou de ganhar em torno de R$ 3 milhões pela demora em assinar se compararmos com o ano passado.

A Globo tem dado o mesmo tratamento ao Palmeiras a partir da assinatura do acordo e atribui o número menor de jogos à assinatura tardia. Há uma intenção da emissora de distribuir de forma mais igual as partidas entre os time neste ano em que o valor tem peso no contrato. Mas leva em conta a situação da tabela priorizando jogos mais decisivos.

Por enquanto, a diretoria palmeirense também considera o menor número de jogos foi um efeito do contrato fechado após cinco rodadas. Mas o clube monitora a situação para analisar quantas partidas terá exibidas na TV Aberta até o final do Brasileiro. Como todos os clubes, o Palmeiras entende ser um fator relevante do acordo o número de partidas por afetar o valor final.

Durante a negociação, a diretoria alviverde entendeu que valia a pena fechar o contrato porque ele se estende por seis anos, e o efeito em um campeonato se diluía. A Globo topou fechar sem estabelecer nenhum desconto pelo mesmo motivo.

Band: Luiz Adriano faz primeiro treino no Palmeiras

Band Sports

Sobre o Autor

Nascido no Rio de Janeiro, em 1977, Rodrigo Mattos estudou jornalismo na UFRJ e Iniciou a carreira na sucursal carioca de “O Estado de S. Paulo” em 1999, já como repórter de Esporte. De lá, foi em 2001 para o diário Lance!, onde atuou como repórter e editor da coluna De Prima. Mudou-se para São Paulo para trabalhar na Folha de S. Paulo, de 2005 a 2012, ano em que se transferiu para o UOL. Juntamente com equipe da Folha, ganhou o Grande Prêmio Esso de Jornalismo 2012 e o Prêmio Embratel de Reportagem Esportiva 2012. Cobriu quatro Copas do Mundo e duas Olimpíadas.

Sobre o Blog

O objetivo desse blog é buscar informações exclusivas sobre clubes de futebol, Copa do Mundo e Olimpíada. Assim, pretende-se traçar um painel para além da história oficial de como é dirigido o esporte no Brasil e no mundo. Também se procurará trazer a esse espaço um olhar peculiar sobre personagens esportivas nacionais.

Mais Blog do Rodrigo Mattos